Blog

  • Como fazer manutenção na roupa de bombeiro?


    Como fazer manutenção na roupa de bombeiro?

    roupa de bombeiro?

    Roupa de bombeiro

    A roupa de combate a incêndio é essencial para os bombeiros, elas garantem a sua proteção e integridade física em diversas situações de risco. Feitas com materiais especiais que garantem a proteção contra elementos altamente perigosos, elas são altamente resistentes.

    Porém, para que a roupa continue resistente, é necessário fazer a manutenção. A seguir, daremos dicas de como você pode fazer para garantir a proteção desse epi essencial.

    Materiais utilizados na confecção das roupa de bombeiro

    A maioria das roupas são feitas com Kevlar e Nomex pois, são tecidos que possuem propriedades que contribuem para que a tarefa do bombeiro seja mais eficaz.

    No caso do Kevlar, proporciona flexibilidade e conforto, além de permitir uma respirabilidade ideal para que a unidade não se acumule, também aumenta a durabilidade da roupa e é resistente a rasgos e arranhões que podem ser causados por objetos cortantes e pontiagudos. Já o Nomex, é um material resistente ao fogo, amplamente utilizado por muitas empresas, quando recebe calor intenso, engrossa e carboniza formando uma barreira que impede que o fogo queime a pele do socorrista. A união do kevlar e nomex é muito comum nos diversos epis utilizados pelos bombeiros.

    Como realizar a manutenção dos equipamentos de incêndio?

    A manutenção das roupas dos bombeiros está especificada na norma NFPA 1851. Entre as referências aqui mencionadas, está a lavagem e descontaminação da roupa após cada uso. Além disso, você deve realizar diferentes rotinas de inspeção, como as descritas abaixo:

    • Inspeção de rotina geral: As diferentes camadas que compõe a roupa são inspecionadas separadamente. Além disso, verifica-se se há conformidade entre a etiqueta de identificação do tecido externo e os componentes indicados na barreira de umidade e térmica.

     

    • Inspeção externa do tecido: Verifique se a integridade física da roupa está comprometida nas áreas onde há mudanças de cor. Isso nos permite determinar se o traje precisa ser reparado ou substituído. As costurar principais e a incidência de luz solar no tecido também são avaliadas.

     

    • Inspeção da barreira interna: Analisamos a integridade física da roupa esticando o punho em diferentes direções. Procuramos rasgos no punho em diferentes direções e falta de costura nas barreiras de umidade e térmica. Verificamos também se há danos

     

    • Inspeção da barreira interna: Conferimos a integridade física do traje esticando o punho em diferentes direções. Procuramos rasgos no punho e falta de costuras na barreira de umidade e térmica. Verificamos que a referida barreira não se tornou quebradiça. Nesse caso, o traje deverá ser trocado. Verifique também se há danos na barreira de umidade colocando o traje em uma solução de água-álcool ou usando uma lanterna. Isso nos permite visualizar certos sinais na barreira térmica, o que implicaria em um reparo imediato do traje.

     

    • Inspeção de outros elementos: Verificamos tanto a fita refletora quanto os invólucros se estão em boas condições. Verificamos se os fechos e o velcro não estão derretidos ou queimados e que continuam com uma boa fixação. As etiquetas de identificação devem ser legíveis e devidamente afixadas.

    Por que a manutenção das roupas de resgate é importante?

    O bem-estar físico de um bombeiro depende das condições em que se encontra a roupa que ele usa. Por isso, é de suma importância realizar manutenções programadas com as quais se identifique a integridade da vestimenta para aquele momento. Também a lavagem do traje, que deve ser realizada seguindo as indicações recomendadas, não deve ser descuidada, tendo em conta as implicações que têm para a saúde. Existem elementos que aderem ao traje que podem causar câncer no bombeiro, que podem ser removidos com lavagem e limpeza. Se você estiver ciente de fazer esse trabalho fundamental de forma constante, poderá manter uma boa saúde e evitar riscos desnecessários. A manutenção do traje garante um melhor cuidado com sua integridade física.

     

    COMPARTIR